terça-feira, 17 de julho de 2007

Pan 2007

Eu sei que nem tudo é um paraíso, mas não sou da turma que fica torcendo contra ou achando que tudo vai dar errado. Eu torço mesmo pro Brasil e pros seus atletas. Fico feliz demais ao ver meninas como a Jade Barbosa saindo de um erro num dia para uma medalha de ouro no dia seguinte, assim como chateia ver uma derrota como a da Natália Falavigna na final do taekwondo, perdendo no round extra pra mexicana.

Tudo no Brasil, inclusive no esporte, tem que melhorar. Então é bom ver que, mesmo sem estrutura, sem grana, com Confederações cheias de brigas políticas, alguns atletas se superam e chegam longe.

Um comentário:

gil disse...

como diria o galvão, essa é pra quem é do mau humor!:P